AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Famosos / Inacreditável!

Repórter chora ao noticiar oportunismo em meio à tragédia no litoral paulista: “R$ 93 o litro de água”

Walace Lara, repórter da Globo, não segurou as lágrimas em entrada ao vivo

Marina Borges

por Marina Borges

[email protected]

Publicado em 21/02/2023, às 20h35

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Repórter chora ao noticiar oportunismo em meio à tragédia no litoral paulista - Reprodução/TV Globo
Repórter chora ao noticiar oportunismo em meio à tragédia no litoral paulista - Reprodução/TV Globo

Durante uma entrada ao vivo no jornal da Globo ‘Bom Dia SP’, o repórter da Globo Walace Lara se emocionou e não segurou as lágrimas ao comentar sobre um relato que ouviu em meio à situação difícil que vive a população de São Sebastião — cidade litorânea altamente afetada pelas fortes chuvas que caíram sobre a região nos últimos dias.

Isso porque, segundo o jornalista, comerciantes estão vendendo um litro de água por R$ 93 na cidade que mais está sofrendo as consequências das tempestades que atingiram o litoral paulista no último final de semana. Vale mencionar que, somente na área visitada por Walace, mais de 40 pessoas morreram por conta dos alagamentos e deslizamentos de terra.

Ao vivo durante o telejornal, o repórter desabafou: “Eu vou respirar aqui e vou falar. Eu estive ontem em uma comunidade em São Sebastião onde tem pelo menos cem pessoas voluntárias trabalhando tirando lama e dentro das casas. E, assim, é uma situação muito difícil pra gente ver, pra acompanhar”, iniciou ele.

Na sequência, Walace Lara se emocionou ao falar sobre a tentativa de tirar proveito diante dessa situação tão triste. “As cidades não têm estrutura, então é tudo muito difícil, muito complicado mesmo. E desculpa, mas é difícil ouvir um depoimento como a gente ouviu agora e não se emocionar. Cobrar R$ 93 por um litro de água na situação que nós estamos aqui é inacreditável”, completou o jornalista.

Veja esse momento na íntegra: