AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria
Dieta e Emagrecimento / Alimentação

Como se manter saudável e em forma durante o inverno? Confira dicas

Especialista ensina como seguir um cardápio nutritivo na época em que sentimos mais fome

Karla Precioso Publicado em 12/09/2020, às 14h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Consuma especiarias para acelerar o metabolismo - Melk Hagelslag/Pixabay
Consuma especiarias para acelerar o metabolismo - Melk Hagelslag/Pixabay

O friozinho é um ótimo pretexto para comer besteiras. Por isso, muita gente acaba ganhando uns quilinhos a mais nessa época e perde o foco na alimentação saudável. 

Isso se explica: “Quando a temperatura do meio ambiente cai, a tendência é que a temperatura corporal caia também. Como precisamos compensar para não haver essa queda da temperatura do organismo, produzimos mais calor, usando a reserva energética do corpo (gordura). E, a partir do momento que se começa a ‘atacar’ essa reserva, há o aumento da fome, especialmente por comidas calóricas. Por isso, durante o inverno, geralmente, diminuímos a ingestão de alimentos leves, como saladas e frutas”, explica a nutricionista Renata Pigliasco. 

Mas, a especialista dá dicas de como se manter firme na dieta nutritiva, sem precisar abrir mão do ‘conforto’ de uma comidinha quente e gostosa. 

CHÁS
A ingestão de chá é uma forma de aquecer o corpo. Fora isso, a bebida não tem calorias e ainda traz vários benefícios à saúde. Prefira chá-verde, de gengibre, hibisco ou mulungu com alfazema.

TEMPEROS
Consuma especiarias para acelerar o metabolismo, como gengibre, pimenta, canela, cúrcuma, cominho, curry e semente de mostarda. Use-as como tempero para os pratos.

ALTERNATIVA
Sacie a vontade de doce, preparando frutas assadas no forno ou micro-ondas (banana com canela é uma deliciosa e eficaz pedida).

SOPA É JANTA, SIM!
Substitua o jantar por sopa. Só preste atenção nos ingredientes que vai usar na receita. Dê preferência a alimentos poucos calóricos: abobrinha, berinjela, chuchu, couve-flor, aipo, brócolis, repolho, couve, espinafre, vagem e uma proteína magra, por exemplo. Não exagere no carboidrato (batata-doce, aipim, inhame, batata baroa, arroz integral). Escolhe apenas um deles. No almoço, tomar um prato de sopa como entrada pode ajudar na saciedade (usar os legumes em pedaços no preparo é uma ótima escolha, pois assim também se estimula a saciedade).

LANCHE DA TARDE
Para o lanche da tarde, lance mão das fibras, que saciam a fome. Semente de chia, farinha de linhaça, farelo de aveia e farinha de maracujá são bons exemplos. Uma boa sugestão é preparar uma mistura com farinha de linhaça, semente de chia, farinha de maracujá, farelo de aveia e psyllium e adicionar 1 colher (café) no iogurte.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!